O que é teste do reflexo vermelho? Descubra como ele é feito e qual sua importância

Bebe de toca e óculos de grau, com olhos fechados e mãos na frente do óculos

Há alguns anos, a visão infantil passou a ter bem mais espaço na pediatria e é por isso que saber o que é teste do reflexo vermelho se tornou tão importante. Afinal, com esse exame, tem-se a chance de fazer a detecção precoce de problemas oculares que poderiam prejudicar seriamente a vida da criança.

O teste do olho vermelho, mais comumente conhecido como teste do olhinho, é um teste muito importante, realizado em recém-nascidos, para identificar doenças visuais, como catarata.

Por isso, é importante entender o que é teste do reflexo vermelho, como é feito e principalmente a importância dele. Preparamos esse texto para esclarecer essas dúvidas. 

O que é o teste do reflexo vermelho e como ele funciona

Ao se perguntar o que é teste do reflexo vermelho, o que nem todos sabem é que ele é bem mais popular do que se pensa. Porém, é conhecido pelo nome de teste do olhinho.

Esse é um exame que, normalmente, a maternidade faz antes da alta do bebê, por um profissional capacitado, e que tem a finalidade de identificar doenças da visão, permitindo um tratamento precoce.

Para que ele seja feito, é usado um aparelho chamado oftalmoscópio, sem ser preciso pingar nada nos olhos do bebê. Assim, é um exame indolor, que dura apenas alguns minutos.

Como fazer o teste do reflexo vermelho?

Aprendido o que é teste do reflexo vermelho, é interessante saber como se pode garantir que esse exame seja feito no bebê.

Assim como foi mencionado acima, é comum que ele seja feito dentro da maternidade, sem que os responsáveis nem mesmo precisem pedir. Contudo, também se pode pagar pelo teste do olhinho em laboratórios específicos e em clínicas de oftalmologia.

Cabe dizer que esse exame oftalmológico não é feito apenas uma vez: além da sua realização na maternidade, é indicado que ele seja refeito quando a criança atinge 4 meses, quando chega aos 6 meses, quando completa 1 ano e aos 2 anos também.

Veja também: Saiba quando levar a criança a um oftalmologista

 Quem faz o teste do reflexo vermelho?

Geralmente, quem faz esse exame é o pediatra que fica de plantão na maternidade e, depois, o pediatra que acompanha o desenvolvimento do bebê ao longo dos meses.

No entanto, buscando uma clínica oftalmológica, é possível conseguir esse exame com um oftalmologista, que tenha muito mais condições de verificar profundamente como está a visão dessa criança.

Qual a importância do teste na detecção precoce de problemas oculares?

Entender o que é teste do reflexo vermelho e a sua relevância é fundamental para garantir que a visão infantil seja preservada. Assim que nasce, a criança já pode apresentar algum problema de visão que, se não for tratado, pode ir se complicando ao longo dos meses.

Vale dizer que até casos de câncer nos olhos podem ser diagnosticados quando se faz o exame do olhinho, ou seja, é extremamente importante detectar de forma antecipada qualquer doença.

Com o diagnóstico feito por meio do teste do reflexo vermelho, é possível já começar algum tipo de terapia medicamentosa a fim de que a visão da criança seja corrigida com os melhores resultados.

Quais as doenças detectadas no teste do olhinho?

O diagnóstico de catarata, por exemplo, é possível por meio do teste do reflexo vermelho, além de ser possível verificar o reflexo pupilar e a presença de glaucoma congênito.

No caso do glaucoma, por exemplo, existe um risco muito grande de a criança perder a sua visão em poucos anos caso não se faça um tratamento intenso e é por isso, mais uma vez, que o teste do olhinho é tão essencial.

Saiba mais: O que é glaucoma?

O que significa um resultado alterado no teste do reflexo vermelho?

Uma vez que o teste do reflexo vermelho mostrou uma alteração, significa que o bebê possui alteração nos olhos e precisa ter o acompanhamento de um oftalmologista. O comum é que se faça uma avaliação oftalmológica com maiores detalhes, até mesmo com a realização de mais exames.

Analisar a gravidez e o histórico familiar desse bebê também ajuda a se determinar se é mesmo uma doença e como será feito o tratamento. Muitas vezes, o médico até mesmo refaz o teste do olhinho imediatamente para garantir que o resultado alterado não tinha nada a ver com o equipamento que ele estava usando.

O que fazer caso o teste apresente alterações?

É compreensível que, ao descobrir que o teste do olhinho apresentou alguma alteração, os responsáveis fiquem assustados. Contudo, é indispensável se manter calmo e aguardar exames mais aprofundados. 

Nesses exames, o oftalmologista vai verificar se o teste do reflexo vermelho realmente apresentou um resultado correto, se houve algum engano e qual é o diagnóstico.

Muitas vezes, por meio de uma avaliação mais profunda do resultado do teste do olhinho, chega-se a um tratamento que seja bem eficiente e que ajude a criança a ter a melhor visão possível.

O ideal é sempre procurar por um oftalmologista que seja experiente e que possa indicar efetivamente a conduta médica a partir do diagnóstico.

Leia também: 8 causas para o olho tremendo e como tratar

Cuidados e recomendações durante o teste

 Esse é um exame oftalmológico que não causa dor, mas é possível que a criança reclame. Por isso, é indicado que os pais ou quem estiver acompanhando o bebê consiga deixá-lo parado e não fique preocupado com o choro.

Fora isso, é preciso que o oftalmologista use um aparelho que esteja em boas condições e que o ambiente no qual o teste do olhinho é feito seja bem iluminado.

Também é importante que se faça o teste do reflexo vermelho nas faixas etárias corretas. Por muitos anos, as pessoas pensaram apenas no teste do pezinho como uma forma de identificar se a criança que acabou de nascer tinha algum problema.

Entretanto, com o teste do reflexo vermelho se popularizando (e recebendo o apelido de teste do olhinho), ficou bem mais simples até acompanhar se as crianças nascem com alguma doença ocular congênita.

Em caso positivo, esse exame permite que os oftalmologistas indiquem quais serão os tratamentos usados para melhorar ao máximo a visão dessa criança e sua qualidade de vida. Na COI Oftalmologia nós temos diversos tipos de exames, inclusive o teste do olhinho. Acesse nosso site e confira todos os nossos exames!

Dr. Ricardo Filippo

Dr. Ricardo Filippo

CRM: 5281096-7 | RQE: 17512. Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ. Durante sua vida acadêmica, participou de dezenas de congressos e simpósios, no Brasil e no exterior, e ministrou diversas aulas sobre Oftalmologia. Veja informações sobre sua experiência na área.
Mulher sorrindo usando o computador de óculos

O que é a falsa miopia?

A falsa miopia é um problema ocular que afeta de forma temporária a capacidade da pessoa enxergar objetos distantes. Veja quais os sintomas dessa condição

Imagem de um teste de diabetes sendo realizado na mão

Como a diabetes pode afetar a visão?

A diabetes afeta a visão quando o nível de glicose do sangue está alto, provocando alterações oculares que podem causar o desenvolvimento de doenças como

Comentários