Hábitos que fazem mal à vista, 07 comportamentos que você deve abandonar

Homem de camisa azul de costas para fundo branco levando a mão à cabeça tampando os olhos

Em nossa rotina, fazemos muitas coisas sem perceber que elas podem ser prejudiciais à saúde dos olhos

Eliminar hábitos que fazem mal à vista e manter cuidados básicos com a visão ajudam a evitar problemas graves com um dos sentidos que mais usamos em nosso dia a dia.

O que comemos, por exemplo, influencia diretamente na saúde de uma forma geral, e, inclusive, dos olhos. Assistir à televisão de muito perto, usar o celular em excesso e não tirar as lentes de contato antes de dormir, são outros costumes que fazem mal à visão.

Os cuidados com os olhos podem começar dentro de casa com práticas simples. Confira 7 hábitos que fazem mal à vista:

Passar os dedos nos olhos

O ato de esfregar os olhos é algo que fazemos automaticamente, muitas vezes sem perceber. Passar os dedos nessa região pode prejudicar a córnea e levar bactérias para a região, chegando a causar conjuntivite

Coçar os olhos com força também pode causar descolamento de retina (membrana essencial para transmitir impulsos elétricos ligados a esse sentido), prejudicando a visão. 

Ainda, por se tratar de uma área muito sensível de nosso corpo, ao esfregar a região várias vezes causamos um acúmulo de pequenas deformações. Com o tempo, isso pode favorecer a ocorrência de ceratocone – doença que torna a córnea cada vez mais cônica.

Consumo em excesso de alguns alimentos 

Devemos evitar o exagero em alimentos que prejudicam a visão, como aqueles que contêm corantes, conservantes, realçadores de sabor, açúcar refinado e com gordura trans – biscoitos recheados, macarrão instantâneo, margarina, pipoca de micro-ondas, e sorvetes industrializados.

Esse alerta é importante, principalmente, para pacientes que apresentam doenças sistêmicas como, hipertensão e diabetes, que podem afetar a saúde dos olhos, causando glaucoma secundário e as retinopatias hipertensiva e diabética.

Ficar muito tempo no computador 

O computador é uma ferramenta de trabalho, porém, passar duas horas ou mais em frente à tela pode ser prejudicial. O uso excessivo pode ocasionar a chamada “Síndrome Visual do Computador”, com o surgimento, por exemplo, da sensação dos olhos secos.

Para evitar os riscos do uso intenso de telas, a cada duas horas o ideal é descansar por cinco minutos, fechando os olhos ou focando em objetos à distância, como olhar por uma janela. 

homem de camisa polo vermelha retira os óculo e leva a mão aos olhos

Para aprender também: Ômega 3 e todas as propriedades essenciais aos olhos humanos

Comprar óculos de sol em camelôs

Os óculos de sol foram criados para proteger a visão. No mercado da falsificação, é comum encontrar uma ampla oferta desses produtos. Pela variedade de modelos, cores e preços baixos, muitas pessoas compram essas versões por entenderem que, apenas pelo fato de terem lentes escuras, elas são capazes de proteger da luz solar. 

Mas, esses óculos podem deixar os olhos ainda mais expostos aos raios ultravioletas, já que quando estamos no escuro, nossa pupila se dilata para facilitar a entrada da luz. 

Por isso, é muito importante ter atenção na compra de óculos de sol. Produtos originais com garantia de fábrica, que atestem proteção contra os raios UVA e UVB, impedem os danos causados por esses raios.

Usar a mesma maquiagem por muito tempo e não remover de forma correta

Especialistas indicam a troca dos produtos de maquiagem para os olhos após três meses de uso. Isso porque as bactérias que se acumulam neles podem causar infecções oculares.

Dormir com maquiagem também é prejudicial à visão, aumentando as chances de conjuntivite e alergias na pele, observadas pelo inchaço nas pálpebras, vermelhidão e coceira, além da sensação de corpo estranho dentro dos olhos.

Esquecer de tirar as lentes de contato

O uso de lentes durante o dia inteiro não permite que a córnea receba oxigênio suficiente e seja alimentada adequadamente pela umidade das lágrimas para se manter saudável.

Tomar banho com as lentes, por exemplo, pode contaminá-las com impurezas e bactérias da água, podendo provocar irritações e inflamações. 

Outro hábito que faz mal à vista é dormir com as lentes de contato. Mesmo algumas delas sendo próprias para uso contínuo, o costume de não retirá-las para limpeza ou descanso da córnea provoca irritações ou outros problemas mais graves.

Ler no escuro

Quanto menor a presença de luz, maior será o esforço na leitura de livros. Forçar a vista no escuro provoca o cansaço dos olhos. A partir desta fadiga alguns problemas podem aparecer, como: ardência ou coceira ocular, dores de cabeça, lacrimejamento e ressecamento dos olhos.

Além de entender os hábitos que fazem mal à vista presentes em nosso dia a dia, é importante incluir na rotina de cuidados com a saúde a consulta periódica ao oftalmologista.

Esta prática ajuda a prevenir problemas graves e auxilia no tratamento daqueles que são detectados logo no início. Algumas doenças na visão causam incômodos, mas outras se manifestam de maneira silenciosa. 

Jovens, crianças e idosos podem desenvolver problemas oculares, mesmo sem predisposição anterior. Síndrome do olho seco e glaucoma, por exemplo, se não forem diagnosticados e tratados de maneira adequada, podem levar à cegueira.

Consulte seu oftalmologista e mantenha seus exames em dia. Cuide da saúde de seus olhos. E, conte com a Clínica de Oftalmologia Integrada para sanar todas as suas dúvidas sobre saúde ocular!


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *