Trauma Ocular: o que é e como tratar

Pessoa tendo o olho examinado com uma lupa de aumento

Muitas pessoas não sabem, mas uma lesão nos olhos, também conhecida como trauma ocular, pode provocar danos permanentes se não for tratada rapidamente. 

Os olhos são uma parte sensível do corpo e merecem cuidados, principalmente quando o assunto é lesão ocular. 

Feridas profundas provocadas por acidentes, por exemplo, podem exigir tratamento imediato e até mesmo cirurgia para evitar possíveis danos oculares permanentes, como a perda de visão

Também existe o trauma ocular mais leve, que precisa apenas de um monitoramento após a visita ao oftalmologista, como pequenos arranhões. Isso é importante para garantir que não existirão complicações, como uma infecção. 

A primeira coisa que você precisa saber sobre o assunto é: se você tem dúvidas sobre alguma possível lesão no olho, é fundamental procurar um médico especializado. 

Seja em um check-up oftalmológico ou em uma consulta para falar sobre um assunto em específico, ao procurar por um profissional é possível identificar se existe algum tipo de trauma nos olhos e receber o tratamento adequado. 

Para saber mais sobre o que é trauma ocular, quais são os tipos mais comuns, como eles podem acontecer e como tratá-los, continue a leitura! 

O que é trauma ocular?

Trauma ocular trata-se de um ferimento no olho, sendo alguns mais leves e outros mais graves. 

Nem sempre é fácil para uma pessoa identificar que o seu olho está ferido. Inclusive, alguns tipos de traumas, como um deslocamento de retina, só ficam óbvios quando ficam muito sérios. 

Dependendo da lesão ocular, é possível ocorrer a perda da visão. Por esse motivo, é muito importante realizar visitas frequentes ao oftalmologista para manter a saúde dos olhos

Mas, afinal de contas, como ocorre o trauma ocular? Algumas das causas mais comuns que provocam lesões oculares são: 

  • Socos;
  • Equipamentos esportivos;
  • Pedaços de materiais voando no trabalho industrial;
  • Objetos como dardos, fogos de artifício, etc.;
  • Respingos de materiais químicos. 

Quais são os principais tipos de trauma ocular? 

Existem diversos tipos de lesões oculares e com diferentes níveis de gravidade. Elencamos os principais deles: 

Abrasão da córnea (olho arranhado)

A abrasão da córnea pode ocorrer de forma muito simples, através dos atos de esfregar ou “cutucar” os olhos quando existe um corpo estranho neles, como areia ou poeira.

A sensação de olho arranhado é muito desconfortável e essa condição causa vermelhidão e sensibilidade à luz

Se sentir que algo arranhou o olho, é importante procurar por um oftalmologista para receber o atendimento adequado. 

Por mais que pareça simples, uma abrasão ocular pode provocar infecções nos olhos por bactérias ou fungos. Isso porque eles podem entrar no olho devido aos arranhões e provocar danos graves em pouco tempo. 

É importante deixar claro que essas infecções podem ocorrer uma vez que arranhões são provocados por fontes diversas, como galhos de plantas e até mesmo unhas de bebês. 

Se sentir que tem algo em seu olho, ou que ele está arranhado, não o esfregue, por mais difícil que seja não fazer isso. Tente apenas manter o olho fechado e procure um médico o mais rápido possível. 

Leia também: Como lavar os olhos: Dicas para Manter seus Olhos Saudáveis 

Lesão por objeto penetrante ou estranho

No caso de um objeto estranho —  por exemplo, feito de metal —, penetrar em seu olho, procure um pronto-socorro imediatamente. Essa condição também costuma ser chamada de trauma ocular perfurante. 

Se tentar remover o objeto sozinho ou esfregar o olho, você poderá provocar um ferimento muito maior. Apenas utilize um protetor ocular (de forma frouxa) e procure ajuda. 

Somente um profissional deve remover esses corpos estranhos, já que fazem isso de forma adequada, o que evita possíveis complicações. 

Queimadura química (substância estranho no olho) 

A composição de um produto químico pode ser inofensiva a longo prazo para os olhos, enquanto outras podem causar graves ferimentos, como a queimadura química. 

Algumas das substâncias que podem gerar lesões nos olhos são: 

Ácido

Os ácidos podem causar vermelhidão e queimaduras nos olhos, mas, geralmente, também podem ser removidos de forma fácil. 

Alcalino

Os produtos químicos alcalinos podem provocar danos muito mais sérios aos olhos quando comparados aos ácidos. Eles não costumam gerar tanta dor ou vermelhidão imediata, mas os resultados a longo prazo são mais graves. 

Os traumas oculares provocados por substâncias químicas normalmente acontecem devido a respingos de líquidos que entram nos olhos. Porém, também podem ocorrer com o ato de coçar os olhos, transferindo a substância que está nas mãos para os olhos. 

Ao sentir que qualquer produto químico atingiu o seu olho, é importante que o lave com água corrente por cerca de 15 minutos. Em seguida, procure por atendimento médico. 

Você também pode colocar uma compressa fria ou uma bolsa de gelo no olho, mas não esfregue. 

É muito importante saber qual foi a substância que entrou em seu olho para que possa informar o seu oftalmologista. 

Pancada no olho 

Uma pancada no olho pode provocar trauma ocular contuso — quando existe uma contusão (golpe) — e ela pode acontecer de diferentes formas, sendo as mais comuns:

  • Acidentes em automóveis
  • Brigas;
  • Violência doméstica;
  • Brincadeiras (jogar bola, faces cócegas, etc.);
  • Tombos;
  • Ao realizar atividade esportiva;
  • Empurrões em locais cheios de pessoas;
  • Bola de paintball;
  • Acidentes de trabalho. 

As consequências de uma pancada no olho pode variar de nenhuma até a perda da visão, como por exemplo, devido a um descolamento de retina

Após sofrer uma pancada no olho, pode ocorrer o surgimento de uma mancha de sangue devido a ruptura de vasos sanguíneos. 

Ao sofrer este tipo de trauma ocular, assim como em outros casos, é importante procurar por atendimento médico o mais rápido possível. 

Sintomas comuns de trauma ocular

Os sintomas de trauma ocular vão depender muito do tipo de situação. Porém, geralmente, os possíveis sinais de uma lesão grave nos olhos são: 

  • Dor contínua;
  • Dificuldade em enxergar;
  • Pálpebra machucada;
  • Um olho não se mexe como o outro;
  • Pupila com tamanho ou formato incomum;
  • Sangue na parte clara do olho;
  • Ter algo no olho ou sob a pálpebra que o piscar e as lágrimas não conseguem retirar. 

Ao sentir um dos sintomas acima, ou qualquer outra sensação de desconforto em seu olho, procure o seu oftalmologista ou pronto-socorro. 

O que fazer ao sofrer um trauma ocular? 

Mulher realizando exame oftalmológico em outra mulher com auxílio de equipamento

Se você sofrer qualquer tipo de trauma ocular, é muito importante que entre em contato com um médico imediatamente para receber as orientações do que deve fazer. 

Como agir em caso de trauma ocular costuma provocar muitas dúvidas, mas, em situações graves, como um ferimento penetrante no olho, é melhor ir o mais rápido possível para um hospital. 

Ao receber os cuidados médicos, lembre-se de contar com detalhes o que aconteceu. Se foi um produto químico que caiu no olho, é importante saber dizer qual foi essa substância. 

Além disso, caso use lentes de contato, o ideal é removê-las, se possível. 

Dependendo do tipo de trauma, o médico pode pedir para que você lave o rosto com água e solução salina e, em outros casos graves, pode ser que seja necessário fazer cirurgia. 

Ferimentos que são sejam pequenos arranhões devem ser considerados potenciais traumas graves e para todos eles é importante tomar os cuidados a seguir: 

  • Não toque, esfregue ou faça pressão no olho;
  • Não tente remover objeto preso no olho;
  • Não aplique pomada ou outros medicamentos;
  • Alguns colírios podem provocar mais dor ou piorar a lesão, então, evite-os;
  • Se você não puder ir ao oftalmologista, vá para o pronto-socorro. 

Lembre-se que alguns tipos de traumas oculares não são de identificação rápida e podem provocar problemas mais graves se não forem descobertos e tratados. 

Aqui na COI você conta com especialistas e pode cuidar da saúde dos seus olhos realizando exames preventivos e tratamentos oculares. Entre em contato conosco e agende a sua consulta!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Agência Hedgehog

Agência Hedgehog

Comentários